A contribuição da neurociência na questão da memorização no aprendizado pianístico

Márcia Kazue Kodama Higuchi

Resumo


Esta pesquisa consiste em uma análise descritiva multidisciplinar apoiada em trabalhosdesenvolvidos nos campos da psicologia e, principalmente, na neurociência, que visam explicar oudar sentido às vastas extensões de fenômenos relacionados à memorização no aprendizadopianístico. O objetivo deste estudo é conhecer melhor o processo da memorização e, a partir desseconhecimento, encontrar explicações e meios produtivos para obter um desenvolvimento maisadequado da memorização no aprendizado pianístico. A constatação neurocientífica da existênciade pelo menos dois tipos distintos de memória – denominados neste trabalho como consciente einconsciente – esclareceu as razões da existência de alguns problemas enfrentados por váriosalunos de piano, como dificuldades em desenvolver a fluência da leitura musical, assim como emtocar peças começando de qualquer lugar que não seja do seu início. Além das explicações, aspesquisas neurocientíficas proporcionaram informações a respeito do processo de memorizaçãoque permitiram elaborar procedimentos eficientes para se desenvolver uma memorização maisadequada para um aprendizado pianístico elaborado.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.