Go to Top

X Encontro Regional Sudeste da ABEM / III Encontro de Educação Musical do Colégio Pedro II

Tema: Diversidade humana, responsabilidade social e currículos: interações na educação musical

inscrições

em 2016

  • Selecione a sua Categoria, confirme o seu pedido e preencha a ficha de inscrição. Caso já possua cadastro na ABEM entre com seus dados de acesso no respectivo campo.

    • Para obter seus dados de acesso caso não saiba - solicite aqui
    Associação: Taxa:
    Reg Sd 2016 - Não Sócios da ABEM - Estudante de graduação
    R$ 80,00
    Reg Sd 2016 - Não Sócios da ABEM - Estudante de pós-graduação
    R$ 100,00
    Reg Sd 2016 - Não Sócios da ABEM - Professor da educação básica e professor de escolas especializadas de música de nível técnico, intermediário e inicial
    R$ 80,00
    Reg Sd 2016 - Não Sócios da ABEM - Profissional da área de música e afins, professor do ensino superior e professor de Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia
    R$ 120,00
    Reg Sd 2016 - Sócios da ABEM - Estudante de graduação
    R$ 40,00
    Reg Sd 2016 - Sócios da ABEM - Estudante de pós-graduação
    R$ 60,00
    Reg Sd 2016 - Sócios da ABEM - Professor da educação básica e professor de escolas especializadas de música de nível técnico, intermediário e inicial
    R$ 40,00
    Reg Sd 2016 - Sócios da ABEM - Profissional da área de música e afins, professor do ensino superior e professor de Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia
    R$ 80,00

  • Para se inscrever Clique na Aba ao lado "Inscrições e após selecionar a taxa de inscrição Clique no botão ->Selecionar Curso

    Minicurso ITecnologias para Educação Musical: Portal de Educação Musical do Colégio Pedro II e aplicativos para tablets e smartphones - Marcos Aristides (TECFA/USP), Daniel Marcondes Gohn (UFSCAR), Mônica Repsold (CPII) e Mônica Neves Leme (CPII)
    Ementa: O curso pretende abordar a possibilidade de uso de diversos aplicativos para smartphones, tablets e programas auxiliares (de edição e gravação), tanto por professores como por alunos em sala de aula. Depois de conhecer as possibilidades de aplicação de uma lista de Apps e programas, os alunos irão praticar com alguns deles, procurando sempre relacionar o aplicativo com conteúdos em educação musical. Todos os Apps utilizados na parte prática são livres e gratuitos.
    Número de vagas: 20 vagas

    Mônica Repsold (CPII)

    Doutoranda da UNIRIO, Mestre em Educação Musical pelo Conservatório Brasileiro de Música (CBM-1993) e Especialista em Mídias na Educação pela UFRJ (NUTES 2011). Graduação em Piano (CBM), Licenciatura em Educação Artística com habilidade em Educação Musical (CBM), Bacharelado em Administração de Empresas (Faculdade Cândido Mendes). Professora efetiva de Educação Musical do Colégio Pedro II (Autarquia do Ministério da Educação) no Rio de Janeiro de 1984 e Informática Educativa de 1991 a 2011. Co-autora do Portal de Educação Musical do Colégio Pedro II (www.portaledumusicalcp2.mus.br e http://www.educamusicacp2.com.br/#!blank/nu8k7). Atualmente responsável pelo setor de Pesquisa, Extensão e Cultura do campus Humaitá II e Adjunta da Chefia do Departamento de Educação Musical da mesma Instituição.
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4518707Z8

    Mônica Neves Leme (CPII)

    Doutora em História pela Universidade Federal Fluminense (2006), possui mestrado em Música Brasileira pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (2002) e graduação em Licenciatura em Educação Artística/Habilidade: Música pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (1999). É professora efetiva de Educação Musical do Colégio Pedro II / Rio de Janeiro, onde desenvolve o Portal de Educação Musical (Campus Humaitá II), lidera o grupo de pesquisa "Tecnologias Digitais para Ed. Musical" é professora e coordena a equipe de Educação Musical no campus Humaitá II. É organizadora da Mostra Anual Musical dos Alunos do Campus Humaitá II, junto com equipe e integra a equipe organizadora do Festival da Canção Mário Lago do Colégio Pedro II. Tem experiência na área de Educação Musical, Cultura Popular, Indústria Cultural, Musicologia e História da Impressão musical no Brasil, atuando principalmente nos seguintes temas: Educação musical, música, história da música no Brasil, indústria cultural no Brasil, música popular brasileira, semiologia da música, história cultural no Brasil e matrizes culturais e históricas da música brasileira.
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4767731Z1

    Minicurso IIDiversificando o repertório na flauta doce: música de cinema, de vídeo games e de desenhos animados - Ana Paula Teixeira Cruz (CPII) e Ricardo Goldfeld Szpilman (CPII)
    Ementa: O minicurso tem como objetivo promover vivência musical principalmente com a flauta doce, a partir de um repertório constituído por músicas de vídeo games, de cinema e de desenhos animados. Este repertório, organizado, pode fornecer material para complementar o repertório em geral.  A proposta visa, também, estimular o professor a transcrever (ou tirar de ouvido) temas musicais atuais, tornando assim, as aulas mais interessantes e prazerosas, além de ser útil para aquisição de noções básicas de técnicas e práticas. O minicurso apresenta este repertório como uma opção a ser utilizado particularmente com jovens, os mesmos que vivem intensamente esta cultura midiática, mas pode ser dirigido a todas as idades.
    Número de vagas: 25

    Ana Paula Teixeira Cruz (CPII)

    Mestre em Práticas Interpretativas (UNIRIO 2008), Especialista em Arteterapia –Educação e Saúde (UNICAM – 2005), Licenciada em Educação Artística – Música (UNIRIO – 2003). Já esteve como flautista e piccolista da Orquestra de Câmara da UNIRIO, 2003; da Orquestra Sinfônica Brasileira Jovem, 2002 a 2004 e da Orquestra Sinfônica Municipal de Santos (OSMS), 2005. Atualmente é Coordenadora Pedagógica Musical do Afroreggae de Vigário Geral e professora de flauta doce e transversal da mesma instituição. É  professora da Cadeira de Flauta Transversa no Curso Técnico Integrado em Prática Instrumental do Colégio Pedro II de Realengo.
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4133072Y9

    Ricardo Goldfeld Szpilman (CPII)

    Mestre em Música (2005) pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). É formado em Regência Coral e Análise Musical pela Pro Arte – Rio, nas classes do Maestro Carlos Alberto Figueiredo. Regente coral atuante desde 1997 e gaitista com prática em MPB, Blues e Jazz, obteve o 1º lugar no Kaiser Pop (1996) com a canção Desespero, em parceria com Raphael Gemal. Como compositor de música de concerto, tem música gravada pela flautista Julie Koidin em Chicago e foi selecionado para a XVIII Bienal de Música Brasileira Contemporânea em 2009, na Sala Cecília Meireles (RJ). Dirige e escreve trilhas para teatro e faz gravações para CDs e cinema. Arranjador, com peças musicais cantadas por diversos corais no Brasil e no exterior, em 2003 lançou o livro (português/inglês) 7 Canções Judaicas Arranjadas para Coral. É membro da Comissão Organizadora dos Festivais e do Editorial da Revista Interlúdio, do Departamento de Educação Musical do Colégio Pedro II. Palestrante convidado a respeito dos temas: Canto Coral, Música Judaica, Cultura Negra nas Escolas e Blues. Maestro, arranjador e saxofonista do Rancho Carnavalesco Praça XI (Klezmer Carioca), orquestra popular que mistura cultura judaica e brasileira. Professor e coordena a equipe de Educação Musical do campus São Cristóvão II.
    ricardo@szpilman.com / ricardoszpilman@bol.com.br

    Minicurso IIIArranjos corais para práticas escolares - Augusto Pires Ordine (CPII) e Maurício Carvalho Durão Barbosa (CPII)
    Ementa: O minicurso de arranjo vocal tem como público alvo regentes de coro, professores e estudantes de música e cantores. Temas a serem abordados: Planejamento inicial do arranjo; Tessitura vocal; Afinação, desafinação e inclusão; Grupos amadores, intermediários e avançados; Quantidade de vozes e naipes (grupos mistos, femininos e masculinos, infantis e juvenis); Texturas (melodia acompanhada, homofonia e polifonia, cânone, "banda vocal", uníssono, etc.); Arranjos a cappella e arranjos com acompanhamento; Arranjos originais ou baseados em gravações famosas; Harmonia funcional e cifragem; Variedade e interpretação melódica, harmônica e rítmica; Prática vocal com arranjos selecionados; Elaboração de arranjo a partir de trecho selecionado; Planejamento de ensaio do arranjo.
    Os participantes podem trazer instrumentos diversos e objetos sonoros, principalmente para o segundo dia de curso.
    Número de vagas: 20

    Augusto Pires Ordine (CPII)

    Mestrado em Música pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Licenciatura em Música pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro e Bacharelado em Direito pela Universidade Estadual do Rio  de  Janeiro. Atua com corais, grupos vocais, arranjos, aula de música, mídias e tecnologia e é professor de Educação Musical do Colégio Pedro II, campus São Cristóvão II.
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4742867D6

    Maurício Carvalho Durão Barbosa (CPII)

    Professor de música, compositor, arranjador, regente e diretor musical de atores, corais e grupos vocais. Formou-se em Piano e em Licenciatura em Música pelo Conservatório Brasileiro de Música e cursou composição na Escola de Música da UFRJ. Músico profissional desde 1985, é também compositor de canções e trilhas sonoras e é professor de Educação Musical do Colégio Pedro II, campus São Cristóvão II.
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4469702P1

    Minicurso IVPercussão corporal e instrumental - Bruno Repsold Torós (CEFET-IATEC) e Thiago Ferreira de Aquino (CPII)
    Ementa: O minicurso tem por objetivo mostrar a aplicação de metodologias de trabalho em Educação Musical que necessitam de poucos recursos materiais para sua realização: a pedagogia de música corporal idealizada por Fernando Barba (Barbatuques), e o uso do pandeiro como instrumento musicalizador. A partir do trabalho realizado com alunos do 1º ano do Ensino Médio, busca-se oferecer ferramentas para o educador que podem ser aplicadas em outros contextos. Com foco em ritmos brasileiros, serão trabalhados gêneros musicais como samba, baião, ijexá e samba-rock, além de atividades de improvisação.
    Número de vagas: 20.

    Bruno Repsold Torós (CEFET-IATEC)

    Mestrando em Práticas Interpretativas na UNIRIO. Possui graduação em Música pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (2009). Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Música. Contrabaixista atuante no cenário da música popular. Professor particular de Contrabaixo Acústico e Contrabaixo Elétrico; Prática de Conjunto; Teoria e Percepção Musical. Professor de Educação Musical do CEFET Unidade Maracanã Curso de Produção Musical no IATEC (PET - Programa Especial de Treinamento 170h) Instituto de Artes e Técnicas em Comunicação - 2015 Especialização em Educação Musical no Conservatório Brasileiro de Música.
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4828195A1

    Thiago Ferreira de Aquino (CPII)

    Doutor (2014) em Música pela USP, possui Graduação (2006) e Mestrado (2009) em Música pela Unirio. Áreas de atuação: Etnomusicologia, Educação Musical, Bateria, Percussão. Professor e coordenador de Educação Musical do Colégio Pedro II no campus Duque de Caxias, onde, além da sala de aula, realiza oficinas de Pandeiro e de Teoria e Percepção Musical. Julgador do quesito Bateria nos desfiles das Escolas de Samba dos grupos C, D e E nos anos de 2011 e 2012. Professor do Conservatório Brasileiro de Música entre 2010 e 2013, nos cursos Técnico, Básico e Livre. Em 2007 participou do projeto TIM Música nas Escolas, como consultor de material didático e professor de Teoria e Percepção Musical aplicados à Percussão. Como baterista e percussionista, atua profissionalmente desde 2001, em grupos de diferentes estilos e voltados tanto para o público infantil quanto o adulto. Desenvolve uma pesquisa sonora a partir da mistura do pandeiro com a coordenação motora da bateria. Já atuou também como Consultor Jr. e Assistente de Pesquisa no Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular, onde integrou as equipes de pesquisa responsáveis pelos Inventários da Viola de 10 cordas e do Jongo – este último resultando no Registro do Jongo como Patrimônio Imaterial do Brasil. Na mesma instituição ocupou a função de Assistente de Produção, trabalhando na implementação do Plano de Salvaguarda do Jongo.
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4758623Y3

    Minicurso VPara ver, criar e ouvir: criação musical com crianças através de imagens - Juliana Maria Chrispim Campelo Lima (CPII)
    Ementa: A oficina trará propostas de criação musical estimulando a descoberta de possíveis conexões entre som e imagem. Por meio da ilustração de livros infantis e outros tipos de imagens, as propostas pretendem oferecer oportunidades para a organização das ideias musicais através de escolhas intencionais e expressivas, interconectando materiais sonoros, caráter expressivo e forma.

    Juliana Chrispim (CPII)

    Possui pós-graduação (especialização) em Arte e Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC/RJ)(2006) , graduação em Música - habilitação: Licenciatura, pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) (2009), e graduação em Licenciatura Plena em Dança, pelo Centro Universitário da Cidade (UniverCidade) (2003). Atualmente cursa o mestrado em Música pela UNIRIO, na área de Música e Educação. É professora efetiva de Educação Musical do Colégio Pedro II. Como professora de música na educação básica, também já atuou na Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro, (Educação Infantil, 1º e 2º segmentos), na rede privada de ensino, em escolas especializadas de música e também com projetos sociais. Na educação superior, foi professora das disciplinas Laboratório de Prática Educativa, Metodologia para o Ensino da Música, e Regência Coral, na Licenciatura em Música da Universidade de Barra Mansa (UBM). Tem experiência como regente de coro infantil. Coordenou, de 2004 a 2012, o curso de férias Oficina Coral e Musicalização, para professores de música e regentes corais, já atuantes e em formação, na Associação de Canto Coral. Participa como cantora do Coro de Câmera da Pró-Arte, sob regência de Carlos Alberto Figueiredo, desde 2006. Na área da Dança, tem experiência em sapateado, acrobacia aérea e dança, tendo atuado como professora e coreógrafa em musicais infanto-juvenis.
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4218566Y6

    Minicurso VICantando e cuidado da voz - Sílvia Garcia Sobreira (UNIRIO), Lucía Casal de la Fuente (Universidad de Santiago de Compostela)
    Ementa: Professores que atuam na Educação Infantil e no Ensino Fundamental - Anos Iniciais, período em que o canto é muito utilizado, não podem deixar de lado o cuidado com a voz, pois ela é a sua ferramenta de trabalho. Perdê-la ou danificá-la implica em não poder desenvolver o seu trabalho corretamente. Os docentes que atuam nesses segmentos precisam ter noções de canto, bem como a melhor maneira de conduzir o seu ensino, pois esta é uma potente forma de musicalização. Além disso, quando professoras e professores têm uma experiência positiva com o canto estão mais aptos a estimular seus alunos para que tenham o desejo de prosseguir estudando música.
    Solicita-se que os participantes devem levar uma canga ou esteira para forrar no chão.

    Sílvia Garcia Sobreira (UNIRIO)

    Professora do curso de Graduação da Licenciatura em Música e do Programa de Pós-Graduação em Música da UNIRIO. Doutora em Educação pela UFRJ, na área de Currículo e Linguagem, 2012.  Mestre em Música e Educação pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro-UNRIO, 2002.  Graduação em Regência (UFRJ), 1988. Coordenadora do PPGM-UNIRIO (02/2015-07/2015). Coordenadora do sub-projeto PIBID/CAPES da área de Música desde julho de 2011. Foi coordenadora do curso de Licenciatura em Música (2013). Pós-Doutorado no Instituto de Educação (IoF) da University College of London (UCL) -2015/2016, sob a supervisão de Graham Welch, especialista em desenvolvimento da voz infantil.
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4763840D6

    Lucía Casal de la Fuente (Universidad de Santiago de Compostela)

    Pesquisadora em formação e aperfeiçoamento pela Universidad de Santiago de Compostela – Departamento de Didática e Organização Escolar. Mestre em processos de formação e Ciências da Família pela mesma universidade. Membro do International Conference on Educational and New Developments (Madrid, 2014  - Porto, 2015). Detentora de diversos prêmios em concursos de canto, teatro e pintura, além do Prémio Extraordinário no Mestrado de Processos de Formação (2012). Tem publicado e desenvolvido pesquisas sobre canto, afinação, canto infantil, análise de currículo e musicoterapia.  Atua como cantora em diversos grupos na Galícia, Espanha.

    Minicurso VIIComposição de canções na sala de aula – Leonardo Masquio Stefano (CPII)
    Ementa: O objetivo do Mini Curso é vivenciar um processo de composição coletiva de canções que pode ser desenvolvido com alunos da Educação Básica. Será proposto um debate inicial sobre gêneros musicais e referências sonoras dos participantes e, em seguida, um momento de experimentações com corpo, palavra, som, entre outras estratégias. O processo de composição continua em dinâmicas com pequenos grupos e posteriormente com uma composição coletiva. A partir dos materiais produzidos segue-se uma fase de arranjos e ensaios que culminarão em uma gravação ao vivo e uma avaliação final.

    Leonardo Masquio Stefano (CPII)

    Mestrando do PPGM – UNIRIO, Linha de Pesquisa Música e Educação. Graduação em Música pela UNIRIO (2008) e graduação em Comunicação Social – Publicidade e Propaganda pela Universidade Federal Fluminense (2003). Músico, compositor e educador musical. Professor efetivo e coordenador de Educação Musical – campus Realengo II. Prêmio Arte na Escola Cidadã – categoria Ensino Médio, Instituto Arte na Escola (2015).
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4779807T2

    Minicurso VIII“No pé do papai velho”: sobre sabedorias, tambores e terreiros – Luiz Rufino (UERJ)
    Ementa: Para os velhos cumbas, senhores mestres dos encantos acerca da palavra, o termo “papai velho” serve para designar os tambores rituais presentes em diferentes culturas negro-africanas. O mesmo termo serve também para denominar parte das sabedorias concernentes as práticas. Assim, o que os cumbas nos ensinam é que um tambor não é somente um artefato cultural, mas um ente que encarna saberes múltiplos, esses saberes baixam e manifestam-se também no transe dos corpos e nas suas performances.  A proposta desse encontro coloca na roda de discussão algumas sabedorias praticadas pela via dos tambores, a intenção principal da sugestão lançada é pensar como os tambores, marca da presença e das invenções negro-africanas na diáspora, transbordam os limites das produções centradas na música para fundamentar uma identidade política da presença e do saber negro no Novo-Mundo. Dessa forma, proponho com esse encontro alargar, a partir de alguns versos e histórias das culturas afro-brasileiras as noções acerca de música, conhecimento e linguagem tomando como perspectiva as sabedorias encarnadas pelos tambores. A proposta é voltada para todo o público e destaca a importância das problematizações nos campos da música e da educação na interface com as relações raciais em especial no que tange as dimensões do complexo afro-brasileiro.

    Luiz Rufino (UERJ)

    Pedagogo, doutorando em educação (UERJ), autor do livro “História e saberes de jongueiros (2014)”, pesquisador das culturas da diáspora africana.
    http://lattes.cnpq.br/9099503965867611

    Minicurso IXUm jogo chamado música: escuta, gesto, criação e pensamento – Teca Alencar Brito (FLADEM)
    Ementa: Entendendo que a Música é Jogo Ideal, jogo do Pensamento e da Arte que jogamos pelo prazer de jogar, sem ganhadores ou perdedores (Deleuze, 2003), o minicurso trabalhará com possibilidades e dimensões diversas, tais como a escuta, a produção de gestos e sonoridades, os processos de criação (improvisação, arranjo e composição), bem como, com jogos e brincadeiras musicais tradicionais. Por meio de propostas sonoro-musicais diversas, o minicurso pretende instigar reflexões acerca do Pensamento Musical, bem como, sobre a presença da Música nos territórios da Educação Musical.
    Número de vagas: mínimo de 10 e máximo de 30

    Teca Alencar de Brito (FLADEM)

    Doutora e Mestre em Comunicação e Semiótica pela PUC- SP, Bacharel em Piano e Licenciada em Educação Artística, com Habilitação em Música. Professora e pesquisadora no Departamento de Música da USP, fundou, há 31 anos, a Teca Oficina de Música, núcleo de educação musical, em São Paulo, voltado à formação de crianças, adolescentes, adultos e educadores. Autora de livros e artigos na área, além de CDs que documentam a produção musical de crianças e adolescentes da TECA-Oficina de Música, é a atual Vice-Presidente (2015-2017) do FLADEM – Fórum Latinoamericano de Educação Musical.
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4713556Y3

    Minicurso XA música da gente e a expressão de cada um – Carlos Kater
    Ementa: Nessa oficina serão apresentadas algumas das características do processo criativo coletivo desenvolvido no projeto "A Música da Gente", bem como atividades práticas lúdico-musicais com foco no aprimoramento humano. O fio condutor da oficina funda-se no conceito “Musicante”, segundo o qual a música é simultaneamente meio e fim, em mobilidade dinâmica durante o desenvolvimento do processo criativo e formador (processo individual e coletivo, interativo e integrador, envolvendo prazer lúcido, qualidade de presença, construção de conhecimento e oportunizando transformação de comportamentos). Em meio às atividades lúdico-musicais propostas, terão ênfase algumas questões centrais relativas ao papel do educador/a musical na realidade brasileira contemporânea e a seu aprimoramento pessoal.
    Número de vagas: mínimo de 14 e máximo de 40

    Carlos Kater (USP)

    Educador, musicólogo e compositor, Doutor pela Universidade de Paris IV – Sorbonne e Professor Titular pela EM/UFMG, é autor de diversos livros e artigos (Música Viva e H. J.Koellreutter: movimentos em direção à modernidade; Eunice Katunda, musicista brasileira; Musicantes e o Boi brasileiro; Erumavez uma pessoa que ouvia muito bem; etc.). Editou os Cadernos de Estudo Educação Musical e Análise Musical que se tornaram referências na vida acadêmica brasileira; foi Vice-Presidente da ABEM por dois mandatos e membro do Conselho Editorial (função atual), etc.. É Professor Colaborador do PPG em Música, da ECA/USP e Consultor da Fundação Koellreutter, da UFSJ. Desenvolveu já duas edições do projeto “A Musica da Gente” com mais 350 crianças, concebido e coordenado por ele. Atua regularmente como conferencista, consultor e professor, com temas associados a Educação Musical, à Musicologia Brasileira e à "Formação Musical Inventiva", com foco no desenvolvimento humano.
    http://carloskater.com/
    https://www.facebook.com/carlos.kater.5
    http://lattes.cnpq.br/1845763886645209

    Minicurso XIMúsica e literatura na sala de aula: interações criativas, expressivas e simbólicas – Cecília Cavalieri França (MUS Produção e Consultoria em Educação Musical)
    Ementa: Histórias, poemas, parlendas, quadrinhos e outros gêneros literários constituem um manancial para exploração musical. Múltiplas relações entre o universo das palavras e o dos sons - mídias que se desenrolam no tempo - se revelam nas possibilidades de enredo e estrutura, nas características expressivas dos diferentes gêneros, no ritmo da palavra e da rima, no fluxo da narração, no uso de recursos como onomatopeias, humor e fantasia e outros. A intermidialidade entre esses dois campos artísticos e estéticos abarca desde a tradução mais literal e as referências concretas até a transposição metafórica e mais abstrata. Neste minicurso serão propostas atividades que permitem avançar desde a experimentação sonora e a criação de trilhas incidentais em direção à exploração musical e simbólica, expressiva da individualidade do sujeito.

    Cecília Cavalieri França (MUS Produção e Consultoria em Educação Musical)

    Educadora musical, diretora do MUS – Produção e consultoria em educação musical. Possui Doutorado (PhD) em Educação Musical – University of London (1998) e Mestrado em Educação Musical com Distinção – University of London (1996), Graduação em Música – Bacharelado em Piano – (1993) e Especialização em Educação Musical pela Universidade Federal de Minas Gerais (1993).  Foi professora adjunta da Universidade Federal de Minas Gerais de 1999 a 2011. Tem larga experiência na área de Educação Musical, atuando principalmente nos seguintes temas: psicologia da educação musical, filosofia da educação musical, metodologia da educação musical, composição musical para crianças, performance musical, apreciação musical, a Teoria Espiral de Swanwick e Tillman e Modelo C(L)A(S)P de Swanwick. Autora dos títulos: Coleção didática para educação musical & quot; Trilha da Música & quot; em cinco volumes (Fino Traço Editora, 2012); O silencioso mundo de Flor (2011); Música no ZOO (2011); Rádio 2031(2011); Festa mestiça: o congado na sala de aula (Editora UFMG, 2011, em co-autoria com Yuri Popoff; Feito à mão: criação e performance para o pianista iniciante (2008); CD Toda Cor (2006); Poemas Musicais – CDs & quot; Poemas Musicais & quot (2003), finalista do Prêmio TIM e livro de partituras & quot; Ondas, meninas, estrelas e bichos & quot; Autora do conteúdo pedagógico da Plataforma Turma do Som (Daccord, 2012), para educação musical em escola regular, dos livros do aluno v.1 e v.2 e do Manual do Professor v.1; Jogos pedagógicos para educação musical (Editora UFMG, 2005), em co-autoria com Rosa Lúcia dos Mares Guia.
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4764470P9

    Minicurso XIIQSOMKISSUTEM – construção de instrumentos alternativos pet – Niágara Cruz (CPII)
    Ementa: O minicurso promoverá a construção de instrumentos alternativos PET através de dinâmicas para o fazer musical, aliando o ensino musical tradicional, o experimental e as inovações tecnológicas.
    Os participantes devem levar o seguinte material: 4 garrafas pet de 2 litros de modelos iguais; 20 tampinhas de garrafas pet; 2 sacolas plásticas de mercado ou caixas plásticas de ovos, ou caixas de líquidos (higienizadas); Bolinhas pequenas e redondas de isopor -100 gramas (utilizadas para preenchimento de almofadas); Tule (1 metro); tesoura grande; fita adesiva larga; 10 borrachinhas elásticas (utilizadas para prender dinheiro).

    Niágara da Cruz Vieira (CPII)

    Mestre em Musicologia (UFRJ, 2010), Especialista em Musicoterapia (Conservatório Brasileiro de Música-CBM, 2004), Bacharel em Piano (CBM, 2001), Licenciada em Educação Artística - Música (licenciatura plena, CBM/Centro Universitário, 2002). Atualmente é professora de Piano no Ensino Médio Integrado em Música do Colégio Pedro II, Coordenadora do Estágio Curricular Supervisionado e regente e criadora do projeto Fanfarra do Colégio Pedro II. Ministra oficinas de construção de instrumentos alternativos em conjunto com Leonardo Fuks e Paulo Telles. É parceira no Duo Brincando com Música com Maria José Michalski, e, apresenta palestras e performances instrumentais e de dança com Gaetano Galifi. Tem experiência na área de trilhas cinematográficas, onde realizou a coordenação das trilhas do curta Caminho Teixeira (exibido em 13 países). É autora do livro O Jardim dos Sentidos publicado pela editora Irmãos Vitale.
    http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4559660Y2


  • Datas

    Sócios da ABEM

    Professor da educação básica e professor de escolas especializadas de música de nível técnico, intermediário e inicial

    Profissional da área de música e afins, professor do ensino superior e professor de Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia

    Estudante de graduação

    Estudante de graduação

    Até  20/08

    R$ 40,00


    R$ 80,00

    R$ 40,00

    R$ 60,00

    De 21/08 até a data do evento

    R$ 60,00

    R$ 120,00

    R$ 60,00

    R$ 80,00



    Datas

    Não-Sócios da ABEM

    Professor da educação básica e professor de escolas especializadas de música de nível técnico, intermediário e inicial

    Profissional da área de música e afins, professor do ensino superior e professor de Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia

    Estudante de graduação

    Estudante de graduação

    Até  20/08

    R$ 80,00

    R$ 120,00


    R$ 80,00

    R$ 100,00

    De 21/08 até a data do evento

    R$ 120,00

    R$ 160,00

    R$ 120,00

    R$ 120,00